zulupa.com.br
segunda-feira, 16 de julho de 2018

Notícias / Variedades

 

16/05/2018 10h34

Roteiro Turístico em Áurea é destaque nesta quarta-feira em Seminário no Rio de Janeiro

Roteiro Turístico em Áurea é destaque nesta quarta-feira em Seminário no Rio de Janeiro

 

A relevância do trabalho de Extensão Rural realizado pela Emater/RS-Ascar em Áurea, na organização do Roteiro Turístico Caminhos Poloneses, será apresentada na tarde de hoje, quarta-feira (16/05), às 15h, durante o III Seminário Internacional em Memória Social (III SIM), que acontece nesta semana (de 15 a 18 de maio), na Universidade Federal do Estado do Rio Janeiro (Unirio). Com o tema “Memória e Turismo: roteiros, trajetórias, discursos e subjetividades em construção”, o evento se coloca como um fórum de discussões da relação entre Memória e Turismo e é composto por três conferências, três mesas-redondas, lançamento de livros e atividades artístico-culturais.

A apresentação desse caso tem como título Memória coletiva como aporte ao desenvolvimento de produtos turísticos rurais: a relevância do trabalho de extensão rural em Áurea e é de autoria da turismóloga da Emater/RS-Ascar, Fernanda Costa da Silva, tendo como coautora a extensionista social Lígia Maria Spica Wencelewski, que ao lado da assistente técnica regional de Erechim, Nádia da Rosa, apresentará o trabalho. “Enquanto prestadores de Assistência Técnica e Extensão Rural e Social, incentivamos o Turismo Rural em propriedades e na formulação de roteiros que valorizem a cultura, a gastronomia, o artesanato, a história e a biodiversidade da região”, ressalta.

Através de trilhas que resgatam a história e os caminhos dos imigrantes, desde a chegada, em 1906. Hoje, o roteiro Caminhos Poloneses é composto por 17 propriedades e duas rotas, que destacam as peculiaridades culturais da região, onde mais de 90% da população do município é da etnia polonesa. Os passeios iniciam pela paróquia Nossa Senhora do Monte Claro, com ritual com pão e sal, onde os religiosos relatam a história da padroeira do município.

A rota proporciona aos visitantes vivenciar um pouco do sentimento, das memórias e desta ligação com a Polônia. A primeira parada é na propriedade da Dionisio e Marlene Ujacov, onde os grupos são recepcionados com um café colonial. Mesa farta, com produtos e receitas caseiras, tudo como manda a tradição polonesa, com chimia, queijos, salame, morcilha, pães, cucas, pão de milho, bolinho de chuva e quisca, também conhecida como morcilha.

A beleza da propriedade, com seus recursos naturais, jardins e trilhas, encanta os visitantes, que seguem para outra propriedade, onde são recebidos pelo casal Leopoldo e Ivete. A biodiversidade com os jardins e horto com plantas medicinais e aromáticas levam os turistas ao bem-estar, além do resgate cultural de muitas plantas gerar curiosidade e encantamento.

Outro atrativo da propriedade é o Bosque do Monjolo, onde a erva-mate e o milho são moídos de forma artesanal. Á água vai dando o compasso do trabalho e refrescando a memória dos antigos e matando a curiosidade dos jovens. Em poucos minutos, os visitantes também recebem orientação sobre um secador solar e aprendem como fazer vassoura.

A pausa para o almoço tem música, alegria, tradição e novamente mesa farta, com muitos pratos típicos da culinária polonesa, como da Tiarnina. O prato típico Czarnina se tornou a principal iguaria da Festa Nacional da Czarnina, realizada anualmente no município.

O roteiro segue para a propriedade da família de Henrique e da dona Amália Maieski, onde os visitantes recebem informações sobre plantas, objetos representativos, trajes, e desfrutam de uma paisagem encantadora.

O Roteiro Turístico “Caminhos Poloneses” encerra na propriedade com o nome de Sitio dos Bambus. Otávio Trzczinski e a esposa Maria recebem os visitantes para a Festa do Ognisko (que significa fogarel). No local, os visitantes brindam e recebem informações sobre este ritual, onde cada visitante assa, na taquara, a linguiça que irá degustar.

O município de Áurea tem ainda diversos pontos turísticos, como igrejas, museus e ervateiras. Os passeios, que acontecem de domingo a domingo, podem ser agendados através do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de Áurea, pelo (54) 3527-1073.

Informações sobre o III Seminário Internacional em Memória Social no site http://seminariosmemoriasocial.pro.br/

Assessoria de Imprensa da Emater/RS-Ascar
Jornalista Adriane Bertoglio Rodrigues
Estagiária Luiza Brandão Flores
imprensa@emater.tche.br
(51) 2125-3104
(51) 99918-6934

www.facebook.com/EmaterRS
https://twitter.com/EmaterRs
www.youtube.com/EmaterRS
tv.emater.tche.br

 

Comente esta notícia

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 99700 5946 / 99613 5633