zulupa.com.br
segunda-feira, 16 de julho de 2018

Notícias / Variedades

 

16/05/2018 10h33

Comunidade quilombola de Cachoeira do Sul é beneficiada com Blocos de Produtor Rural

Comunidade quilombola de Cachoeira do Sul é beneficiada com Blocos de Produtor Rural

 

Na tarde de quinta-feira (10/05), a Comunidade Quilombola Cambará, de Cachoeira do Sul, foi beneficiada com 25 Blocos de Produtor Rural, que permite comprovar a realização do trabalho no campo. A entrega dos blocos reuniu aproximadas 60 pessoas, entre elas o coordenador de programas da Secretaria Estadual do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), Sérgio Dorneles, a gerente Regional da Emater/RS-Ascar de Santa Maria, Regina Hernandes, que representou o presidente Iberê de Mesquita Orsi, além de autoridades municipais e integrantes da comunidade.

Na mesma ocasião, a representante da Prefeitura de Cachoeira do Sul, Geovana Bordignon, ministrou uma oficina aos beneficiários sobre a utilização do Bloco de Produtor Rural, com orientações a respeito do preenchimento dos talões de nota fiscal. Através do Bloco de Produtor, as famílias da comunidade quilombola poderão vender seus produtos legalmente e terão acesso a direitos trabalhistas, sociais e previdenciários, além de comprovar a renda familiar e a participação no abastecimento do município.

O representante da comunidade, Márcio Silva, disse que o Bloco de Produtor é uma importante ferramenta para que a comunidade quilombola possa produzir fora da clandestinidade e destacou a importância de projetos que proporcionem melhorias na qualidade de vida e na inclusão social na comunidade. Além disso, Silva agradeceu o trabalho prestado pela Emater/RS-Ascar. “Praticamente todas as nossas conquistas foram construídas com a Emater, no desenvolvimento de infraestrutura e geração de renda para a comunidade”, ressaltou.

Para o representante da SDR Sergio Dorneles, “estas conquistas são possíveis em grande parte pelas políticas públicas, através das quais o Estado se faz presente nas comunidades”. Dorneles destacou ainda a importância da parceria mantida entre a Emater/RS-Ascar e o governo estadual, tendo em vista que, segundo ele, “os extensionistas convivem diariamente com os produtores e representam a voz dessa realidade”.

Durante seu pronunciamento, a gerente Regina Hernandes afirmou ser visível a união e organização da Comunidade Quilombola Cambará, sendo esta um exemplo a ser seguido. A gerente declarou ainda que “o Bloco de Produtor é o documento de identificação dos agricultores e que ele é uma forma de reconhecimento social, pois comprova que as famílias quilombolas trabalham na agricultura e contribuem para o desenvolvimento regional”.

O extensionista rural do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de Cachoeira do Sul, Luciano Mazuim da Silva, disse ter “a percepção de que as dificuldades para as comunidades quilombolas são ainda maiores do que para outras famílias agricultoras, em decorrência de problemas históricos, tendo em vista os anos de escravidão pelos quais os antepassados negros foram submetidos”. O Bloco de Produtor, segundo Silva, é uma forma de garantir direitos e acesso às políticas públicas.
Amarilda da Silva, integrante da Comunidade Quilombola Cambará, foi uma das beneficiadas com a regularização. “Vou poder anotar os trabalhos no campo com o meu tempo de serviço, pois um dia vou precisar me aposentar”, disse ela. O produtor Derli Ramos, que nasceu e vive na Comunidade há mais de 70 anos, também demonstrou satisfação pelo recebimento do Bloco. “Ele dá acesso a políticas públicas, facilita para entrar para o sindicato (dos trabalhadores rurais) e muitas outras vantagens”.

Cadastramento
De acordo com o extensionista, para possibilitar o recebimento dos Blocos de Produtor, foi feito anteriormente o cadastramento dos agricultores, realizado pela extensionista social Isabel Vargas Vivian e pela assistente administrativa Larisse Martin, ambas do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar. Luciano da Silva afirmou que agricultores da comunidade foram cadastrados para o recebimento da Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) e também para o Número de Inscrição Social (NIS), por intermédio da Emater/RS-Ascar, que também distribuiu kits de saneamento básico para as famílias.


Assessoria de Imprensa da Emater/RS-Ascar - Regional Santa Maria
Jornalista Adriane Bertoglio Rodrigues
hboucinha@emater.tche.br
Estagiária Cristina Haas
(55) 3222-4011
(55) 99935-2636

www.facebook.com/EmaterRS
https://twitter.com/EmaterRS
www.youtube.com/EmaterRS
tv.emater.tche.br

 

Comente esta notícia

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 99700 5946 / 99613 5633