zulupa.com.br
sexta-feira, 28 de julho de 2017

Notícias / Rural

 

17/07/2017 09h16

Jovens de seis municípios da região de Passo Fundo são contemplados com Bolsa Juventude

O Bolsa Juventude destina-se a jovens de baixa renda e tem o objetivo de incentivar a permanência e o retorno desse jovem à escola

 

 

 

 

 

O jovem do município de Santo Antônio do Planalto, Diéisson Eduardo Soares Soletti, de 18 anos, contemplado pelo Programa Bolsa Juventude, está satisfeito em poder seguir na produção de hortigranjeiros. "É uma política pública chegando ao jovem do interior. Dá incentivo para a gente ficar no meio rural, produzindo coisas orgânicas, com nossos familiares, continuando a história deles. E essa vai ser a minha primeira renda", comemorou. No total, o Programa Bolsa Juventude Rural do Governo do Estado vai contemplar, na região administrativa da Emater/RS-Ascar Passo Fundo, 13 jovens de seis municípios, sendo eles Ciríaco, Barracão, Vanini, Santo Antônio do Planalto, Paim Filho e São Domingos do Sul. 

O Bolsa Juventude destina-se a jovens de baixa renda e tem o objetivo de incentivar a permanência e o retorno desse jovem à escola. Para os jovens do meio rural, a Bolsa será disponibilizada pela Secretaria de Desenvolvimento Rural Pesca e Cooperativismo (SDR), por meio do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento dos Pequenos Estabelecimentos Rurais (Feaper). Os projetos são feitos pela Emater/RS-Ascar, com apoio da Secretaria Estadual da Educação, por meio das escolas estaduais. 

Agora, jovens e equipes dos escritórios municipais da Emater/RS-Ascar estão na fase dos projetos produtivos. De acordo com a assistente técnica regional da Emater/RS-Ascar, Doriana Miotto, é através do projeto produtivo, que o jovem acessa o recurso e pode desenvolver as atividades planejadas. "É, sem dúvidas, um estímulo ao jovem e às famílias", avalia Doriana. Ela destaca que na região administrativa da Emater/RS-Ascar Passo Fundo, vários municípios já desenvolvem programas municipais com o intuito de estimular e fomentar a sucessão nas propriedades, como por exemplo Machadinho e Paim Filho.

Para a jovem Stéfane Lermen, de 17 anos, de Santo Antônio do Planalto, o Programa é muito importante. "É muito bom, com ele terei novas experiências, irei melhorar uma atividade que minha família já pratica há anos e terei uma renda própria", conta a jovem, que vai seguir na produção de hortigranjeiros e salienta o apoio que está recebendo da Emater/RS-Ascar e da família. 

Apicultura foi a atividade escolhida pelo jovem de 17 anos, Carlos Daniel Schneider, também de Santo Antônio do Planalto. "Achei esse Programa muito bom. Eu gosto e pretendo ficar no campo. Vou lidar com abelhas, que meu pai também gosta, me ensinou e eu vou continuar. Estou recebendo o apoio da Emater e da minha família e estou feliz porque vou ter a minha renda", comemorou Carlos.

"O acesso às políticas públicas é um aspecto extremamente relevante para o processo de sucessão das famílias nas propriedades rurais. O programa Bolsa Juventude vem contribuir para o fortalecimento e inserção do jovem na gestão da propriedade rural através do planejamento ou incremento de uma atividade produtiva", explicou a assistente técnica regional da Emater/RS-Ascar, Doriana Miotto. 

Os critérios exigidos para concorrer à Bolsa foram ter idade entre 15 e 29 anos, fazer parte da rede pública de ensino e de escolas com pedagogia da alternância (Casas Familiares Rurais) e apresentar Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), ativa no sistema de crédito rural, de até R$ 90 mil/ano. A Bolsa será no valor de R$ 200 reais mensais, pelo período de 10 meses. 


Assessoria de Imprensa Emater/RS-Ascar - Regional de Passo Fundo
Jornalista Vanessa Almeida de Moraes

 

Comente esta notícia

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 9700 5946 / 9613 5633