zulupa.com.br
sábado,22 de setembro de 2018

Notícias / Esporte

 

02/05/2018 20h58 - Atualizado em 02/05/2018 20h59

Grêmio faz cinco, goleia o Cerro Porteño e assume a liderança do Grupo 1

Com gols de Everton (2X), Ramiro, Jael e Cícero, o Tricolor vence o time paraguaio na Arena

 

A noite do feriado de terça-feira foi de Libertadores para o Grêmio, que enfrentou o até então líder do seu grupo, Cerro Porteño. Fez bonito, jogou o seu melhor e mais inspirado futebol e venceu a equipe paraguaia pelo placar de 5 a 0, ocupando agora a primeira colocação na tabela de classificação.

Apesar do primeiro tempo iniciar equilibrado, foi o Grêmio quem passou a dominar as ações e ter a vantagem na partida. Aproveitou as oportunidades e largou na frente no marcador. Aos 28 minutos, em uma jogada rápida, nasceu o primeiro gol. De pé em pé, a bola chegou a Jael, que deu um passe de qualidade para Everton. O atacante dominou e mandou direto para o fundo das redes, no canto esquerdo do arqueiro paraguaio. E não demorou muito para o placar ser ampliado. Aos 31', Bruno Cortez fez um cruzamento preciso na área para Ramiro subir e mandar de cabeça, assinando o segundo.

A etapa complementar começou ainda mais favorável para os gremistas. Aos 4 minutos, em cobrança de escanteio, Luan mandou por baixo, na primeira trave. Geromel desviou e a bola chegou aos pés de Jael, que de carrinho, marcou o terceiro. Aos 27', o quarto gol. Luan dominou no meio, conduziu e chamou a marcação. Esperou até o último segundo para dar o passe a Everton, que recebeu na esquerda e ficou na cara de Anthony. Foi decisivo, balançando mais uma vez as redes paraguaias.

E quem disse que parava por aí. Em cobrança de escanteio, Luan colocou a bola na medida para Cícero subir e mandar de cabeça para o fundo do gol, aos 37'.

Com a goleada, o Grêmio assume a liderança do Grupo 1, com 8 pontos.

 

Primeiro Tempo

A primeira oportunidade foi do time visitante, que aos 3 minutos, em cobrança de falta da intermediária, Rodrigo Rojas mandou direto à meta gremista. A bola quicou no gramado e obrigou Grohe a fazer uma difícil defesa, jogando para escanteio.

E foi em uma boa jogada de contra-ataque, pela esquerda, que o Tricolor respondeu. Jael deu passe mais atrás para Léo Moura, que fez um cruzamento na área buscando Everton. O atacante chutou, mas a bola desviou na defesa e saiu pela linha de fundo.

Aos 9 minutos, o Grêmio chegou bem novamente com um cruzamento de Everton, da esquerda, para Jael, na área. Mas ela sobrou para Ramiro, que finalizou, mas a bola subiu demais.

O Grêmio passou a pressionar, levando perigo por vezes ao campo de defesa paraguaio. Primeiro, Maicon pegou a sobra da defesa e finalizou, mas acabou carimbando a marcação. A bola ficou viva e, no rebote, Luan chutou, mas a defesa, bem postada, cortou. Em seguida, Everton deu passe de calcanhar para Maicon, mas o volante não alcançou.

Já o Cerro chegou pela direita. Raúl Cáceres fez um cruzamento, Maicon desviou, mas a bola ficou com Palau, que arrematou para fora.

Aos 26 minutos, o Tricolor tentou pela esquerda, com Bruno Cortez, que fez um cruzamento para a área, mas a bola amorteceu em Raul Cáceres e ficou fácil para a defesa de Antony.

Os paraguaios tiveram uma nova chance em cobrança de falta, na intermediária. A bola foi alçada na área, mas Grohe saiu e segurou firme.

Em resposta, um contra-ataque. Everton tentou passar por dois marcadores, mas defesa tirou. A  bola voltou para o atacante, que chutou cruzado. O arqueiro se perdeu ao defender, mas a zaga conseguiu afastar.

Foi no lance seguinte, aos 28 minutos, em uma jogada rápida do Grêmio, que nasceu o primeiro gol. De pé em pé, a bola chegou a Jael, que deu um passe de qualidade para Everton. O atacante dominou e mandou direto para o fundo das redes, no canto esquerdo do arqueiro paraguaio.

E não demorou muito para o placar ser ampliado. Aos 31', Bruno Cortez fez um cruzamento preciso na área para Ramiro subir e mandar de cabeça, assinando o segundo.

O Cerro esboçou reação e chegou novamente em bola parada. Rojas cobrou uma falta da direita, colocou na área, mas houve o desvio pela linha de fundo. Logo em sequência, Santiago tentou surpreender Grohe da esquerda, arrematando direto a meta gremista, mas a bola saiu pelo lado direito.

Os paraguaios insistiram e chegaram com perigo aos 39 minutos. Primeiro, Cáceres cruzou da direita, mas a bola foi cortada pela zaga, por Kannemann. A sobra ficou com Palau, que arrematou a gol, mas Grohe acompanhou a bola, que saiu à sua esquerda.

Aos 44', Jorge Rojas tentou chegar pela esquerda, buscando um passe para Churín, mas o lance não deu em nada. Em seguida, da direita, Raúl Cáceres fez um cruzamento; Kannemann desviou e Grohe acabou fazendo a defesa com segurança.

Jogo finalizou aos 46 minutos.

 

Segundo Tempo

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação.

A primeira oportunidade veio no primeiro minuto, quando Everton serviu Luan na entrada da área. O camisa 7 recebeu entrou em velocidade, mas trombou no marcador e caiu.

Depois de erro na saída de jogo do Cerro, Jael deu passe para Luan, que saiu em contra-ataque. O atacante invadiu a área e cruzou, mas a marcação cortou para escanteio. Na cobrança, aos 4 minutos, Luan cobrou na área, na primeira trave, Geromel desviou e a bola chegou aos pés de Jael. De carrinho, o centroavante mandou para o fundo das redes, marcando o terceiro.

O Grêmio chegou novamente de pé em pé. Depois de cruzamento da direita, Luan tentou finalizar, mas pegou mal. A bola foi recuperada por Jael, que tentou recolocar em jogo, mas o Cerro ficou com ela.

Aos 13 minutos, Ramiro deu um ótimo passe para Everton, que recebeu e seguiu em velocidade em direção ao campo de ataque, mas o atacante foi empurrado por um os marcadores, mas nada assinalado pela arbitragem.

Trocando passes, o Tricolor chegou bem de novo. Arthur, Ramiro e Léo Moura fizeram uma boa combinação, confundindo a defensiva paraguaia. O lateral fez um cruzamento preciso na cabeça de Jael, que desviou a gol. A bola passou raspando a trave de Antony Silva.

Respondendo, Nelson Valdez tentou descontar para o Cerro, arrematando da intermediária de ataque. A bola passou por sobre a meta de Marcelo Grohe.

Mais uma vez, uma grande chegada gremista. Pela esquerda, Cortez cruzou rasteiro, mas não encontrou Jael. Houve o desviou e na sobra, Ramiro chegou para finalizar, obrigando Antony a fazer uma grande defesa e mandar a escanteio.

Substituição: Saiu Jael, entrou Thonny Anderson, aos 23'.

Quase que o Grêmio assinalou o quarto gol aos 25'. Cortez fez um cruzamento da esquerda para trás, dando nos pés de Thonny Anderson, que arrematou de primeira. O arqueiro paraguaio espalmou e salvou a equipe de outro gol.

Mas não adiantou muito. Dois minutos depois, Luan dominou no meio, conduziu e chamou a marcação. Esperou até o último segundo para dar o passe a Everton, que recebeu na esquerda e ficou na cara do gol, marcando o quarto da partida.

Substituição: Saiu Maicon, entrou Cícero, aos 29'.

Os visitantes até tentaram descontar, com uma jogada de escanteio. Arzamendia cobrou e Valdez desviou para fora.

Quase que nasce o quinto gol, novamente dos pés de Everton. Cícero deu um passe para o atacante, que dominou e finalizou, mas a defesa desviou a escanteio.

Substituição: Saiu Ramiro, entrou Alisson, aos 35'.

E quem disse que parava por aí. Em cobrança de escanteio, Luan colocou a bola na medida para Cícero subir e mandar de cabeça para o fundo do gol, aos 37 minutos.

Jogo finalizou aos 47 minutos.



Público: 44.673 torcedores.

* O trio de arbitragem argentino foi comandado por Patricio Loustau, auxiliado por Ezequiel Brailovsky e Maximiliano Del Yesso.

Fotos: Lucas Uebel | Grêmio FBPA

 

Comente esta notícia

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 99700 5946 / 99613 5633