zulupa.com.br
terça-feira,20 de outubro de 2020

Notícias / Educação

 

17/10/2020 20h47 - Atualizado em 17/10/2020 20h48

Semana do Professor: de menino de rua a docente, homem forma família de professores

Cleusa Flesch conta como a história de seu pai inspirou ela, duas irmãs e três sobrinhos a seguirem a mesma profissão

 

Por Isabella Sander

Hoje diretora do Departamento de Recursos Humanos da Secretaria Estadual da Educação (Seduc), a relação de Cleusa Flesch com a educação vem do berço. Seu pai, José Pereira da Silva, com o apoio de uma instituição de ensino que o acolheu, passou de menino de rua a professor.

José perdeu os pais muito cedo e, com isto, acabou morando na rua. Foi encaminhado para um orfanato e, logo após, para um instituto que atendia meninos em situação de rua e oferecia formação em técnicas industriais. Se formou na profissão e lá permaneceu, como professor da área, atuando nas oficinas de marcenaria até se aposentar, em 1981. Depois de aposentado, ajudava a esposa, que foi mãe e avó crecheira, a cuidar de crianças.

Foto onde aparece José em uma perna de pau, com três crianças à sua volta

Professor em um internato, José recebia os alunos em casa - Foto: Arquivo Pessoal

Além de exercer lá sua profissão, o instituto se tornou pano de fundo para a vida familiar de José. Foi ao lado da escola que morou com sua esposa e os seis filhos, que acompanharam de perto toda a carreira do pai. Destes, três se tornaram professoras. “Como era um internato, os alunos vinham à nossa casa também. O meu pai tinha um trabalho de muito carinho e dedicação àqueles meninos, talvez porque ele também havia sido um menino de rua e também precisou desse carinho, o professor era uma figura muito importante para eles”, recorda Cleusa.

A semente de José germinou e cresceu sólida. Mesmo precisando trabalhar desde cedo, Cleusa conciliou suas primeiras atividades profissionais com a busca por formação na área da Educação, assim como duas de suas irmãs. No futuro, mais três sobrinhos se formaram em cursos de licenciatura. “Sempre penso que, se estivesse aqui, meu pai teria muito orgulho dos filhos e netas professores na família”, observa, emocionada.

Foto de Cleusa Flesch hoje em dia

Hoje, Cleusa é diretora de Recursos Humanos na Seduc - Foto: Arquivo Pessoal

Em 1975, Cleusa ingressou no curso de magistério e, em 1979, começou a trabalhar no magistério público municipal, já em sala de aula. Em 1986, ingressou no magistério público estadual, também em sala de aula. Em paralelo, buscou formação na área da Educação Infantil e da alfabetização e formação superior.

Ao longo da carreira, a profissional atuou como professora, coordenadora pedagógica, vice-diretora e funcionária da 2ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), em São Leopoldo, e trabalhou também na Secretaria Municipal de Educação de Campo Bom, no Departamento Administrativo e de Recursos Humanos. Após se aposentar, trabalhou no Ministério da Educação, como técnica dos planos de carreira do Rio Grande do Sul. Em janeiro em 2019, o secretário da Educação, Faisal Karam, a convidou para assumir como assessora técnica na Seduc. Em maio do mesmo ano, foi convidada para ficar à frente do Departamento de Recursos Humanos.

“Me sinto muito honrada pelo convite. Estou em uma posição de muita responsabilidade e quero fazer a diferença com o meu trabalho, para que meu pai também tenha orgulho de mim, já que eu me inspirei nele lá no meu início de trabalho e me inspiro a cada dia, no sentido do respeito e das relações humanas”, revela a diretora de Recursos Humanos. Cleusa conta que, em sua atuação no departamento, quando conversa com alguém, procura ter atenção à história de vida da pessoa, respeitando o que ela traz.

Para Cleusa, o professor é a figura mais importante na sociedade, porque, a partir dele, são construídas todas as outras profissões e a sociedade como um todo. “O professor é muito importante, por isso eu valorizo tanto essa profissão, por isso tenho tanto respeito e me inspirei tanto no meu pai. Para mim, o professor é o número 1 na sociedade”, ressalta.

 

Comente esta notícia

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 99700 5946 / 99613 5633