zulupa.com.br
quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Colunas / Saúde

 

26/09/2013 08h51

O abraço de uma mãe é poderoso!

Patrícia Maldonado Patrícia Maldonado
Patrícia Maldonado, 37 anos, é mãe de Nina e Maitê, além de esposa, filha, dona de casa e apresentadora de TV (atualmente ela está na Band). Ufa! Apesar de parecer que a vida dela é um caos, dá tudo certo no fim! No blog Mãe de Salto Alto, Patrícia escreve sobre os desafios da maternidade, repercute notícias sobre o tema e fala de suas experiências como mãe. O objetivo é trocar ideias! Um bate-papo virtual.

Oi, queridos e queridas!

Escrevo esse post com lágrimas nos olhos e coração apertado. Poderia ser uma tragédia e eu me comovi ao me colocar no lugar da mãe. Foi um milage e me comovi ainda mais. Pra quem acredita em Deus foi isso mesmo que aconteceu. Um milagre motivado pelo amor de uma mãe. Pra quem não acredita, as explicações são outras. Mas não importa qual a explicação. O que importa é que um bebê dado como morto voltou a vida depois de um abraço da mãe.

O caso aconteceu na Austrália. Uma mulher teve gêmeos e tudo parecia bem, apesar de as crianças serem prematuras. Mas não estava nada bem. Depois do parto, médicos e enfermeiros se debruçaram sobre um dos bebês e passaram 20 minutos tentando reanimá-lo. Como não conseguiram, deram a triste notícia para mãe. Ela pediu pra ficar com a criança no colo, pra se despedir. Foram duas horas abraçando e acariciando o filho quando, de repente, ele começou a se mexer e dar alguns sinais de vida. Os médicos disseram que se tratava de suspiros, normais nessa situação, e garantiram que ele estava morto. Em seguida, a mãe colocou leite na ponta dos dedos e deu na boca do bebê. Surpresa geral no quarto do hospital: o bebê abriu os olhos e segurou o dedo da mãe. Não havia mais dúvidas: ele estava vivo!

Hoje a mãe dá entrevistas e depoimentos sobre a importância do método "canguru", que valoriza o cuidado pele a pele com bebês doentes e prematuros. O fato é que ela agiu de maneira instintiva. Como um animal faz com seu filhote. E deu certo! A pele da mãe, o som do coração dela batendo, o cheiro, o leite. Não sou especialista no assunto pra dizer o que fez o bebê acordar. Mas, como mãe, teno certeza que o nosso carinho com nossos filhos cura. Salva. Que história linda! Espero que vocês também se emocionem.

Beijos

Pati

yahoo.com

 

Este artigo é de responsabilidade exclusiva do seu autor, não representando necessariamente a opinião do portal.

 

Comente estE ARTIGO

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 9700 5946 / 9613 5633