zulupa.com.br
sábado, 18 de novembro de 2017

Colunas / Gospel

 

29/03/2012 23h36 - Atualizado em 29/03/2012 23h44

O último inimigo

Pastor Volnei Schwartzhaupt Pastor Volnei Schwartzhaupt
Pastor da Comunidade Evangélica Luterana São João
Santa Rosa - RS

“O último inimigo a ser vencido é a morte... Tragada foi a morte pela vitória.” (1 Coríntios 15.26,54).

Por infelicidade e não por nossa vontade, às vezes, temos inimigos, alguns perigosos, outros, nem tanto. É consenso geral que o pior inimigo para todos é a morte. Por isso fazemos nossa higiene pessoal, somos prudentes nas decisões e nas atitudes, e vamos ao médico para um check-up, a fim de diagnosticar o nosso estado de saúde, o que é muito bom e aconselhável, ao menos, uma vez por ano.
Segundo a Palavra de Deus, a morte é coisa séria, tanto que ao falar com Adão e Eva sobre o fruto de qual árvore não deveriam comer no Éden, Deus alertou-lhes que se o comessem, morreriam (Gênesis 2.16,17). Quando Satanás tentou Eva, mentiu a ela, garantindo que não morreria ao comer daquele fruto, e seria igual a Deus (Gênesis 3.4,5). Quando Eva comeu do fruto e deu para Adão, ficaram com medo e vergonha, fugindo de Deus (Gênesis 3.7-9). A mentira de Satanás se confirmou logo adiante, em Gênesis 5.5: “Os dias todos da vida de Adão foram 930 anos, e morreu”. Como vemos em Gênesis 3 a 5, e 6 a 9, daí em diante a morte passou a fazer parte da história da humanidade. Por isso dizemos que a morte é coisa séria.
Felizmente o enredo da história humana não ficou na fatalidade. Em Gênesis 3.15 Deus promete a solução, a promessa do perdão, da vida e da salvação, cumprida com o envio do seu Filho amado, Jesus Cristo (João 3.16).
Quando vemos o apóstolo Paulo discorrendo sobre a vitória da vida sobre a morte, com a ressurreição do nosso Senhor Jesus Cristo que é a garantia da nossa (1 Coríntios 15), ele brada dizendo: “Graças a Deus que nos dá a vitória por intermédio de nosso Senhor Jesus Cristo” (V. 57). E Jesus garante: “Porque eu vivo, vós também vivereis” (João 14.19).
Crendo nos benefícios da morte e ressurreição de Jesus Cristo para este tempo e para a eternidade (João 11.25-27), desfrutando e partilhando esta boa notícia do amor de Deus por nós, poderemos ter uma morte bem-aventurada (mais feliz), como lemos em Apocalipse 14.13: “Bem-aventurados os mortos que desde agora morrem no Senhor”.
ORAÇÃO: Ó Senhor Deus, muito obrigado pela revelação do teu grande amor por nós, através da morte e ressurreição do teu Filho Jesus Cristo. Conserva-nos firmes nesta fé e esperança. Em nome de Jesus. Amém.

 

Este artigo é de responsabilidade exclusiva do seu autor, não representando necessariamente a opinião do portal.

 

Comente estE ARTIGO

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 9700 5946 / 9613 5633