zulupa.com.br
terça-feira,16 de julho de 2024

Colunas / Cultura

 

06/07/2024 18h08

AS ESCOLHAS TE REVELAM

Paulo Schultz Paulo Schultz
Professor
Se você quer saber para quem alguém governa, basta olhar o orçamento de seu governo.
 
Governar é fazer escolhas, e as escolhas revelam quem o governante é, e para quem ele governa. 
 
O governador tucano Eduardo Leite, por exemplo, no orçamento do ano passado, abriu mão de mais de 17 bilhões de reais sob forma de isenções fiscais, dadas principalmente para grandes empresas.
 
Um valor astronômico, que contrasta, por exemplo, com a não aplicação do percentual mínimo de 12% do orçamento do governo estadual na área da saúde.
 
E que contrasta também com os salários miseráveis dos funcionários de escolas e dos funcionários da área administrativa do quadro geral, que, para chegar a receber o valor de um salário mínimo, precisam ganhar um completivo mensal.
 
Mas, afinal, isso não é novidade nenhuma, pois Leite nunca escondeu que é um neoliberal típico.
 
Tomei ele como exemplo.
 
Mas o fato é que a gente precisa aprender a olhar para o orçamento de um governo, para saber o seu foco prioritário.
 
No meu município, por exemplo ( Santa Rosa, Rio Grande do Sul), o foco do atual prefeito (do PP, com auxílio luxuoso do MDB e do Cidadania, e outros partidos menores adjacentes), é cobrir a cidade de asfalto. 
 
Tudo sob a forma de empréstimos ou financiamentos, a serem pagos pelas gestões seguintes, com acréscimo substancial de valores finais.
 
E, repare, o foco aqui não é a questão do valor, não.
 
O foco é perceber a prioridade da gestão.
 
Aliás, tenham a certeza de que, para cada rua que recebe pavimentação asfáltica, antes de se saudar a população beneficiada pela obra, se comemora quem ganhou a licitação para executar a obra, dado que existe uma parceria que tem engordado fortunas de poucos, com o auxílio luxuoso e focado do orçamento público municipal.
 
Tudo pelos "parças", não é mesmo ?
 
E assim a gente vai vendo, nos governos estaduais, nos governos municipais.
 
O atual governo da prefeitura de Porto Alegre também é outro exemplo, que tem dado mostras explícitas de para quem governa.
 
Contraste estes exemplos que eu mencionei com o governo federal do presidente Lula.
 
Perceba lá o quanto há de foco em políticas públicas de geração de renda e emprego, de resgate da cidadania, em programas na área da saúde, da educação, do desenvolvimento econômico, e assim por diante.
 
Tudo é uma questão de foco, e por óbvio que o foco vem de uma orientação ideológica, de uma concepção ideológica de sociedade, que dá a baliza para o gestor e para seu governo.
 
É isso que a gente precisa aprender, e é isso que a população precisa perceber, mesmo que seja dentro da sua simplicidade. 
 
O governo que entope a cidade de asfalto, mas relega a questão ambiental, maltrata o funcionalismo e é desumano, frio e insuficiente no cuidado com as pessoas, sobretudo as que mais precisam, é um governo que precisa ser encerrado nas eleições de outubro próximo.
 
Se a escolha de um governo é a escolha pelo poder econômico, pela parceria silenciosa e indecente com poucos , em detrimento da maioria da população...se essa é a escolha de um governo, que a escolha das pessoas seja pôr fim a ele, através do voto.
 
Que ele não tenha continuidade, não tenha reeleição, ou não tenha eleição de alguém deste mesmo grupo.
 
Se as escolhas revelam os governos, as escolhas também revelam as pessoas que elegem esses governos.
 
É preciso que se tenha governos que olhem para a população, e vejam nela seu espelho.
 
Não tem mais como a gente suportar um governo que tenha como gestor alguém que se olhe no espelho, e diga.... "espelho, espelho meu ...tem alguém mais importante do que meus parças e eu ? "
 
 

 

Este artigo é de responsabilidade exclusiva do seu autor, não representando necessariamente a opinião do portal.

 

Comente estE ARTIGO

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 99700 5946 / 99613 5633