zulupa.com.br
terça-feira,20 de outubro de 2020

Colunas / Cultura

 

25/08/2020 15h10 - Atualizado em 25/08/2020 15h48

Abana com uma mão, esbofeteia com a outra

Paulo Schultz Paulo Schultz
Professor
Bolsonaro quer imprimir uma marca do seu governo na população de baixa renda.
E, ao mesmo tempo, apagar marcas exitosas do PT no imaginário popular.
Saem o Bolsa Família e o Minha casa, minha vida, e entram o Renda Brasil e a Casa verde e amarela.
 
É o projeto reeleição.
 
Além disso, como tudo que permeia este governo,  dá algo com uma mão, e vem com maldade na outra.
 
Para sustentar uma despesa anual superior a R$ 50 bilhões com o Renda Brasil (o Bolsa Família custa R$ 30 bilhões por ano), e ampliar de 14, para algo em torno de 20 milhões de famílias atendidas, o governo propõe extinguir programas como o Abono Salarial, o Salário-Família,  o Seguro Defeso (pago a pescadores durante o período em que a pesca é proibida) e o Farmácia Popular.
 
Ou seja, o programa Renda Brasil, destinado às famílias pobres,  será pago com recursos retirados de outros programas que atendem famílias pobres
 
Genial ? 
Não. Malévolo, como o próprio Bolsonaro.
 
 Veja, na sequência,  números dos programas que Bolsonaro pode extinguir....
 
O Farmácia Popular atendeu 21,3 milhões de pacientes em 2019. 
O programa oferece medicamentos gratuitos ou com descontos de até 90%
Além do benefício econômico aos usuários, o programa reduziu as internações hospitalares e a mortalidade em relação à hipertensão e diabetes.
As farmácias credenciadas oferecem 35 medicamentos, sendo 20 gratuitos, para tratar hipertensão, diabetes, asma, doença de Parkinson, glaucoma, entre outras doenças. E os descontos também se aplicam a contraceptivos e fraldas geriátricas.
 
O abono salarial, benefício anual de um salário mínimo voltado para quem ganha até dois salários mínimos por mês, tem uma estimativa de atender até 23,6 milhões de trabalhadores.
 
 O salário-família é pago a trabalhadores formais e autônomos de baixa renda que contribuem para a Previdência Social, de acordo com a quantidade de filhos, abrangendo filhos até os 14 anos, ou portadores de deficiência.
 
O seguro defeso, pago a pescadores artesanais no período de reprodução dos peixes, quando a pesca é proibida, beneficia  cerca de 700 mil pescadores no país.
 
Quer dizer o seguinte: para pagar um benefício um pouco maior que o Bolsa Família, rebatizado de Renda Brasil, o governo Bolsonaro tira de milhões de famílias pobres o ganho com medicamentos acessíveis, e os programas que reforçam a renda de milhões de brasileiros. 
 
É a cara do Bolsonaro: ruim e torta
 
Vai aumentar um pouco a renda de um tanto da população, e ao mesmo tempo, diminuir a renda de outro tanto.
 
A questão é que os que irão perder renda são os que não podem perder renda, pois a diminuição lhes coloca em dificuldade e até necessidade.
Essa é a maldade!
 
Redistribuir renda tirando de quem não pode perder.
Sem tocar nos ganhos do andar de cima.
 
A fatia dos ricos, dos milionários, dos bilionários e dos rentistas agradece.
 
Para finalizar: Bolsonaro continua o mesmo - detesta pobre.
Só precisa fazer esse aceno à população de baixa renda para criar base para se reeleger.

 

Este artigo é de responsabilidade exclusiva do seu autor, não representando necessariamente a opinião do portal.

 

Comentários

ah, então o David quer me conhecer? para quê? também não sei quem você é, e realmente não me interessa. Mas faço ideia dos motivos que o levam a querer saber quem sou. Estas práticas são muito usadas nas ditaduras, principalmente as de esquerda que são as mais sanguinárias. E sobre o texto não citar lula textualmente......precisa???? Ele tá todo manchado de lula, mas se você não sabe ler...........

Joca - 01/09/2020 08h07

Boa tarde, Professor. Gostei do texto. Mas não concordo com tudo. O mais espantoso é ver esse cara, que usa um apelido falso de Joca, continuar obcecado pelo Lula. O texto inteiro não cita, nem faz menção indireta no Lula, mas o animal só vê isso na frente dos olhos dele. É um sarna. Até me ocorreu uma ideia...um conhecido meu é especialista em.TI. Vou ver se ele consegue rastrear o IP do bobalhão. Quem sabe daí a gente revela.o nome verdadeiro dele, já que ele se esconde atrás de apelido falso.

David Pfaff - 27/08/2020 18h16

Fico pensando aqui com meus botões... Só sobraram os botões, porque livros não leio, como diz o Adalberto. O que faz uma pessoa defender com tanto ardor um salafrário, cretino e corrupto de alma como lula??????? Só parvoíce não justifica, tem que ter mais coisas por trás para fazê-los passar o dia inteiro negando as milhares de notícias, fatos e evidências que fariam, por justíssima causa lula ser encarcerado o resto da vida. Vocês acordam de manhã, abrem os olhos e dizem: NÃO, É MENTIRA, É TUDO MENTIRA........ e só saem da cama depois que fizeram a auto lavagem - o auto convencimento. Tenha piedade.....................................

Joca - 27/08/2020 11h09

Essa é a política da maldade, do capitalismo malévolo, sem solidariedade. É a exploração dos pobres somente, enquanto os ricos ficam cada dia mais ricos e mais isentos de impostos. É o horror se instalando.

Adalberto Paulo Klock - 26/08/2020 22h43

Teu texto não tem o q tirar nem por. Foi incisivo e acertaste em cheio no x da questão. A gente só lamenta que pra metade do povo da Nação Brasileira esse estrupicio vai levar fama de populista - pai dos pobres, por que é o que vai ficar no fim das contas pra esse povo acostumado a tomar no cool e mesmo assim fazer cara de contente. Levar no lombo e agradecer a chibata.

Rose Bitencourt - 26/08/2020 20h14

Cade dia, perdendo mais direitos, e mesmo assim, tem um bando de alienados apoiando ele.

Eloir - 26/08/2020 08h34

Lamentável o que estão fazendo com o povo brasileiro.

Márcia - 25/08/2020 21h43

Só verdades,Paulinho,não é governo é bando de crápulas

Helena - 25/08/2020 21h25

 

Comente estE ARTIGO

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 99700 5946 / 99613 5633