zulupa.com.br
terça-feira,20 de outubro de 2020

Colunas / Cultura

 

09/08/2020 21h52 - Atualizado em 09/08/2020 21h59

Antes que a serpente multiplique seus ovos

Paulo Schultz Paulo Schultz
Professor
Há uma expressão certeira no futebol:
Vamos derrotar o adversário indo para dentro dele
 
 Seja como  frente única ou em blocos, ou mesmo individualmente.
O essencial é que a  esquerda e outras forças progressistas, como um todo, tenham o mesmo objetivo: agir ofensivamente para embretar, conter e mitigar social e politicamente o governo  do capitão Messias, e o bolsonarismo,  e construir a plataforma  para um novo período de hegemonia de um projeto de cidadania e soberania  no país.
 
É preciso não cair nas armadilhas das pautas diversionistas que são colocadas  por Bolsonaro e seu núcleo mais próximo de poder.
 
Bolsonaro e seu núcleo pensante do bolsonarismo têm distraído a quase totalidade da esquerda com uma mão boba abanando um fantoche, e  enquanto a esquerda se debate nas redes e na institucionalidade em discutir ou desconstituir o tal fantoche, o principal da destruição vil do país e  da cidadania corre a descoberto.
 
Não se pode cair no equívoco do reforço da figura, ao se cobrar Bolsonaro por ele ser Bolsonaro.
 Ele é o que sempre foi... tosco, torto, espertalhão,  bizarro.
 
O alvo é outro.
 
?Antes da pandemia atingir o país, alguém viu algum plano do governo Bolsonaro para alavancar a economia do país?
 
?Algum projeto para fomentar a geração de empregos e a melhora na renda dos brasileiros?
 
?Alguma proposta para aperfeiçoar ou ampliar o atendimento à saúde, com uma melhor estruturação e mais recursos ao SUS?
 
?Qual o plano concreto de Bolsonaro e seu governo na área da educação, afora os devaneios de combate ao " marxismo cultural" ?
 
?Para além das quase inacreditáveis posições e ações com viés fundamentalista evangélico , qual a proposta séria  do governo, da esquizóide ministra Damares, para a proteção e promoção da cidadania das minorias, e quanto à políticas públicas para as mulheres?
 ?Para além dos devaneios e fiascos olavistas do Ministro das relações exteriores, qual a política séria do governo para uma relação altiva e de construção de diálogos e possibilidades com outras nações?
?Algum programa habitacional que garanta a continuidade do Minha casa, minha vida, ou algo do gênero?
? Políticas e programas de continuidade e de incentivo à agricultura familiar?
 
 Pode-se expor outras áreas onde prepondera a ausência, o  não governo.
 
Pode-se falar também da omissão deliberada e genocida de  Bolsonaro e seu governo frente à pandemia,  que nos fez chegar à marca de 100 mil mortes.
 
E da insistência messiânica e também obscura em relação à Cloroquina, que virou uma espécie de Bíblia na mão de Bolsonaro.
?Qual a contribuição efetiva do governo Bolsonaro para o país nesse pouco mais de um ano e meio?
 
Entupiu o governo federal com milhares de militares lotados em cargos de confiança, desde militares saudosos da ditadura até estrelados pançudos e inaptos. 
 
Fechou um acordaço com o centrão, trocando cargos e verbas volumosas por uma barreira de contenção e proteção no Congresso, o que atesta que seu negócio não é a nova política, ideia vendida bovinamente.
 
 Prá não ser de todo extremado, mais recentemente, por um período que já dura um mês ou um mês e meio, Bolsonaro tem feito uma contribuição ao país com seu silêncio. 
O silêncio de quem quer se manter no cargo.
Não é algo pensado em benefício da população, é em benefício próprio, mas esse silêncio já é alguma coisa.
 
Bom,  dado o quadro, a provocação que instigo é: vamos continuar mirando no fantoche que o capitão abana, ou vamos ser centrais no enfrentamento antes da serpente multiplicar seus ovos?
 
 Assistiremos a república, a democracia, a cidadania, serem tragados para uma condição caótica de concentração de riqueza, pobreza extremada, desemprego alto,  trabalho precarizado, soberania arrasada, milícias se impondo e vigaristas neopentecostais conquistando multidões desesperadas?
 
O trabalho é duro e necessário.
 
Começa já neste ano, com vitórias expressivas e consistentes nas prefeituras e câmaras de vereadores.
 
Na base política de tudo, que são os municípios, é que se deve apontar para um projeto político de  cidadania e participação, e impedir que a serpente multiplique seus ovos.
 
O tempo, logo ali na frente, vai nos dizer do nosso acerto.

 

Este artigo é de responsabilidade exclusiva do seu autor, não representando necessariamente a opinião do portal.

 

Comentários

Bom dia prá você também Adalberto. Gosta de falar em estultície, mas vejamos: é estultície dizer que o investimento correto é na Educação Básica? Não é, mas vocês dirão que é, afinal, tem que defender o "mestre". É estultície dizer que lula defendeu a reforma da previdência mas não teve coragem de fazê-la? Não é, mas.........quanto ao articulista, é só um articulista? Você o está rebaixando. Vou dizer mais uma vez: não tenho nada contra a esquerda, mas contra o PeTê, principalmente a cúpula do PeTê, que traiu vocês - não traiu a mim porque nunca depositei um pingo de confiança neles - e fez este país se transformar num parque de guerra. Bolsonaro é resultado direto do PT. Mas claro que vocês jamais aceitarão isto, o que prova sua falta de compreensão sobre o "ânimus" do povo brasileiro. Seus livros não lhe ensinaram isto?

Joca - 11/08/2020 08h29

Quanta estultice nesse Joca. Acho que ele tem um quezinho com o articulista. Será que é caso mal resolvido? Porque questão civilizatória, cultural, política ou econômica não é, pois o Joca dá só opiniões tal qual os bolsonaristas desmiolados. Portanto, deve ser paixão pelo articulista. Joca, ele é articulista, não outra coisa.

Adalberto Paulo Klock - 10/08/2020 23h30

meter o bedelho nos assuntos de vocês??????????????? Não, quem meteu o bedelho nos assuntos de vocês foi a Polícia Federal e a justiça. E espero mesmo que eles terminem o serviço. Essa quadrilha que vocês chamam de partido serviu para mostrar o tamanho da ignorância do povo brasileiro. Cultura abaixo da crítica, filtros morais e políticos vergonhosos, civismo zero. Tanto que quando lula resolveu investir em universidades todo mundo aplaudiu, e ainda aplaudem, quando o correto teria sido investir em Educação Básica. Só que a Educação Básica não rende votos como a criação de uma universidade. Daí o lulinha vai lá, inaugura uma universidade, faz um discursinho hipócrita e cheio de piadinhas e vocês se resgam aplaudindo pensando que são .......... inteligentes. Mas.......fale mais, tá bonito de ver e ler estas idiotices que só me convencem que eu tenho razão.

Joca, de novo - 10/08/2020 22h58

Não sei o que está figura que acho que existe que intitula Joca,aliás isso não é nome,pq ele é tão insignificante ou melhor não tem coragem de colocar seu nome,outra coisa o está coisa,quer meter o bedelho nós nossos assuntos,vai explicar os depósitos da Micheque é os pagamentos do Queiroz para a familicia kkkkk

Helena - 10/08/2020 20h55

Já vimos que bolsonaro não está preocupado com o Brasil e seu povo. Não foi capaz de apresentar propostas de desenvolvimento para o país. É uma pessoa incapaz para ocupar o cargo que ocupa. Só não vê quem não quer, porque até cego já abriu os olhos e está vendo. Infelizmente estamos vivendo essa situação! E a culpa não é da esquerda!

NEUSETE MACHADO RIGO - 10/08/2020 20h32

“?Antes da pandemia atingir o país, alguém viu algum plano do governo Bolsonaro para alavancar a economia do país? “ Sim, e só se você se comportar como um petista nato, cego, surdo e idiotizado para fazer de conta que não viu TODAS as propostas para alavancar a economia do país, a começar com o combate à corrupção desenfreada e o desaparelhamento do Estado, então tomado pela cumpanherada, e continuando pela reforma da previdência que até o semideus de você, o macunaíma falou que precisava mas não teve culhões, covarde que é, para fazer. E sabe porque lula não fez? Porque não dava votos, embora fosse extremamente necessária ao país. Essa esquerda tóxica, malvada e cretina que você defende vai acabar. Depois que lula morrer o PT não dura mais do que 5 ou 6 anos. Por isso ACORDEM, vocês não defendem a esquerda, vocês defendem lula que tá “se lixando” para vocês. Mas vocês são professores, outros são leitores vorazes, então vocês pensam que são uma classe privilegiada......tsc tsc. São tristemente puxados pelo buçal por um iletrado bem mais esperto que vocês.

Joca - 10/08/2020 08h33

Como sempre preciso. Adoraria que todos pudessem fugir do "diversionismo" do Bolsonaro. Mas, infelizmente, a vida é feita destes elementos, que são trazidos pelos meios de comunicação e engolem toda a sociedade, não tem jeito. Mas vamos lutando, meu caro, quem sabe um dia conseguiremos compreender mais que esse diversionismo.

Adalberto Paulo Klock - 10/08/2020 02h06

 

Comente estE ARTIGO

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 99700 5946 / 99613 5633