zulupa.com.br
quarta-feira,8 de julho de 2020

Colunas / Cultura

 

27/06/2020 20h18 - Atualizado em 27/06/2020 21h11

Dos municípios para o país

Paulo Schultz Paulo Schultz
Professor
 
O enfrentamento ao plano anarcocapitalista de Bolsonaro (onde milícias e igrejas evangélicas assumem o espaço da ausência do poder público) , e ao ultraliberalismo destrutivo do ministro da economia, Paulo Guedes, deve ser feito em várias frentes.
 
Uma destas frentes, absolutamente importante, são os governos municipais.
 A partir deles, com a criação e a execução de políticas públicas que priorizem a inclusão, a cidadania, a democracia participativa, o desenvolvimento econômico com resultados partilhados ( não concentrados nas mãos de poucos), programas de habitação, de fomento à agricultura familiar, o fortalecimento  da rede local de saúde pública, entre outras ações, é que se dará o contraste e o combate ao estilhaçamento social e econômico que vem das ações do governo federal.
 
Candidaturas de esquerda, frentes de  esquerda e, onde for possível e coerente, de  centro-esquerda, são necessárias em milhares de municípios pelo país afora.
 
Candidaturas de alta nitidez ideológica, sem dubiedades, sem posicionamentos escorregadios, sem composições com a turma da democracia liberal( sendo claro aqui : os tucanos e seus partidos adjacentes.)
 
Candidaturas que afirmem que há uma outra forma de se ver o país, que há uma outra forma de tratar  as pessoas, e outra forma de induzir e distribuir desenvolvimento.
 
Candidaturas que se transformem em governos de efetiva e forte participação popular, de respeito à diversidade da vida, em todos os seus aspectos, de estímulo à educação, à ciência, à tecnologia, se contrapondo ao negacionismo fundamentalista e ignorante que permeia por dentro do governo Bolsonaro
 
Governos locais que enfrentarão um quadro duro e adverso, de crise, desemprego, dificuldades sociais e financeiras, mas que tenham a  firmeza e a clareza necessárias para construir uma plataforma política e social que aponte para um outro projeto de país, a partir de projetos e ações nos municípios.
 
 Essa é a tarefa presente de todos os partidos e  de todos os movimentos e correntes comprometidos com uma outra proposta de país, onde a cidadania e as oportunidades sejam estendidas a todos, onde o desenvolvimento se dê em um patamar  descentralizado , soberano e partilhado, contemplando desde os micro produtores e empreendedores, onde se fomente uma agricultura menos nociva ao ambiente, e de apoio à produção familiar.
 
 É isso !!
 
Mudar positivamente a vida das pessoas nos municípios, e construir e convergir  consciências  para produzir o mesmo no país, em enfrentamento ao projeto vigente do governo federal.
 
Em tempo: a coluna completa 1 ano.
Agradeço a participação e colaboração de milhares neste espaço.
Vamos em frente.

 

Este artigo é de responsabilidade exclusiva do seu autor, não representando necessariamente a opinião do portal.

 

Comentários

O autor ainda é do tempo que sente arrepios só em ouvir a palavra "tucano". Lula calou fundo nestas mentes áridas toda sua verve estúpida. "Os tucanos", caro professor, caso não tenha percebido, e não vai perceber, ou não quer perceber para não perder o bastião que garante seu argumento diário e não ficar "vazio" tem em seu expoente FHC, outro que lhe deve dar ojeriza. Mas o professor se faz de cego quando correm notícias de que lula se socorria de FHC para aconselhar-lhe em situações críticas. Já disse isto aqui, basta procurar na internet. Eram Marcio Thomaz Bastos e Palocci os mandatários de lula que iam buscar os conselhos que lula pedia, enquanto o próprio lula ia para a televisão dizer que tinha recebido uma "herança maldita" de FHC. Que sujeito safado esse lula, né professor? Mas você não vai procurar porque não quer ver, não quer saber. Você ainda quer continuar a falar mal dos "tucanos" que nem tem mais representatividade no país. Mas fazer o quê, né? Lula fez sua cabeça contra os "tucanos" então é só isso que você sabe falar. Aliás, tucano é uma ave, assim como papagaio que tão bem representa esses defensores do lula, que papagaiam tudo o que o maior mentiroso da república fala.

Joca - 01/07/2020 08h25

Parabéns, Paulo! É importante comemorar o primeiro ano deste espaço, e da tua bravura em escrever em tempos em que a 'falação' se faz verdade, em que a ciência é menosprezada, e o fascismo mostra os dentes e arrebanha adeptos facilmente. Siga em frente. Escrever é preciso!

NEUSETE MACHADO RIGO - 28/06/2020 16h59

E não será tarefa fácil. Lutemos juntos, desde já e coesos. Parabéns pelo primeiro aniversário da coluna, que sempre nos trás assuntos da atual conjuntura, muito bem desenvolvidos, claros, concisos e muito coerentes. Paulo assume um posicionamento dos que eu acho mais corretos sobre os rumos que a política vem tomando no País.

Rose Bitencourt - 27/06/2020 23h16

 

Comente estE ARTIGO

Mensagem  
Nome  
E-mail*  
   
  * não será publicado.

 

Soluty Zulupa.com.br © 2010. Todos os direitos reservados.
contato@zulupa.com.br - (55) 99700 5946 / 99613 5633